Línguas africanas

África - Escola de Negócios EENI & Universidade HA

Línguas afro-asiáticas, nilo-saarianas, nigero-congolesas, khoisan, austronésias (Doutoramento África)



O compromisso da Universidade com o desenvolvimento de África: a potenciação das línguas africanas

O número total estimado de línguas nativas africanas é de entre 1.250 e 2.100 (de acordo com a definição de idioma em relação com o dialeto).

Quase todos os países africanos têm uma enorme riqueza linguística:

  1. Mais de 500 línguas falam-se na Nigéria (190 milhões de habitantes): o Hauçá, o Iorubá ou o igbo
  2. No Burquina Faso existem sessenta línguas nacionais: o moré, o fulfudé (peul) ou o diúla
  3. As línguas sul-africanas mais importantes são o zulu, o xhosa e o afrikáans

Na África, um centenar de línguas utilizam-se para a comunicação interétnica: o árabe, o somali, o berbere, o amarico, o oromo, o igbo, o suajili, o Hauçá, o Mandinga, o fulâni e o Iorubá.

  1. 17% dos africanos falam um dialeto do árabe.
  2. 10% dos africanos falam o suajili, a língua franca da África Oriental
  3. 5% dos africanos falam um dialeto berbere
  4. 5% dos africanos falam o Hauçá, uma língua franca em uma grande parte do Sahel.
  5. Outras línguas importantes da África Ocidental são o Iorubá, o igbo e o Fula.
  6. As principais línguas do Corno de África são o amarico, o oromo e o somali

A União Africana declarou em 2006 o “ano das línguas africanas”.

De conformidade com a Ata Constitutiva da União Africana, os seus idiomas de trabalho são o árabe, o inglês, o francês e o português, e os idiomas africanos “se é possível”. Um protocolo que emenda a Constituição, adotado em 2003 mas ainda não ratificado por uma maioria de dois terços dos Estados membros, agregaria o espanhol, o suajili e “qualquer outra língua africana”.

Os grupos linguísticos africanos

A maioria das línguas faladas na África pertencem à uma das cinco grandes famílias linguísticas africanas:

  1. As línguas nigero-congolesas (a maior de África)
  2. As línguas afro-asiáticas (camito-semíticas, 300 línguas, 350 milhões de pessoas)
  3. As línguas nilo-saarianas (60 milhões de pessoas)
  4. As línguas khoisan (África do Sul, o Kwadi-Khoe, o Kx'a, o Tuu e o Sandawe)
  5. As línguas austronésias (o Malgaxe)

As línguas “importadas” (ou línguas associadas ou línguas coloniais) são: o francês (115 milhões), o inglês (130 milhões), o português (30 milhões) e o afrikáans. O árabe poderia ser considerado como um idioma importado.

As línguas africanas oficiais por país

Mestrado negocios, comércio (EAD) em inglês African languages Mestrado em Comércio Exterior EAD em francês Langues africaines Estudar maestría negócios EAD em espanhol Lenguas africanas

  1. Mestrados: Negócios em África, Transporte em África, Marketing Internacional, Negócios Internacionais, Back Office Exportação
  2. Doutoramentos: Negócios Africanos, Comércio Exterior, Logística Internacional

Estudantes nigerianos (Lagos) Nigéria (mestrado)



(c) Escola de Negócios EENI & Universidade HA. Não usamos cookies